4 passos para criar um logotipo para o seu negócio

Abrir uma empresa vai muito além de somente abrir as portas do seu estabelecimento ou colocá-la online. É como a lei de ação e reação de Newton (tá lembrado?), a empresa precisa fazer uma ação para ter alguma resposta, porque se não fizer nada, ela continuará parada, na inércia para sempre.

Logo ao começar seu negócio, os primeiros passos seriam a criação do nome para empresa, abertura fiscal e legal, aluguel de escritório, contratação de equipe e por aí vai.

A grande questão é que muitos empreendedores ainda esquecem de um ponto principal nessa empreitada: a criação de um logotipo para sua empresa.

Sim, isso é um ponto crucial, e nesse artigo vamos te mostrar por que e como um bom logotipo pode construir uma ponte entre seu negócio e seus consumidores. A marca de uma empresa é um dos atributos intangíveis mais importantes para o crescimento do negócio. Você consegue imaginar uma empresa que não tenha um logo, um símbolo ou se quer um nome? Como as pessoas vão identificar sua empresa, onde ela fica e o que ela faz?

Por que criar um logotipo? A pouca concorrência fez com que, até metade do século passado, a maioria das empresas não vissem tanta importância em investir em design. Com o desenvolvimento econômico e a melhoria no poder de aquisição do consumidor, as empresas viram a necessidade de se destacar na prateleira e isso faz uma grande diferença.

Um excelente exemplo disso é como a marca de leite Mumu implementou uma nova estratégia empresarial para ganhar competitividade com seus produtos. A estratégia foi renovar toda a identidade visual da embalagem do leite para um criar visual mais alegre e divertido, somente isso fez com que a marca saltasse de uma participação de 1% para 17% no mercado em apenas 30 dias.

Agora que vimos a importância de uma identidade visual criativa feita por profissionais e bem aplicada para a empresa, vamos começar a colocar a mão na massa?

Logos Tipográficas, Logos Representativas e Logos Abstratas

Existem dezenas de tipos de criações de logo, mas elas se encaixam basicamente em três grupos. O primeiro é o modelo de logo tipográfico que se utiliza somente de fontes (letras) em sua composição, mas com um toque de design que as diferencia, como por exemplo IBM, Microsoft e Sony. Outro formato é o de criação de um desenho representativo que esteja relacionado ao business da sua empresa, por exemplo uma hamburgueria que usa um hamburguer (!) em sua marca. Simples e direto, né?

O terceiro tipo é a criação de elementos abstratos, mas que são lapidados, desenvolvidos e trabalhados para construir um significado dando valor para um logotipo. Um bom exemplo é a logo da Nike, que após anos e anos de investimento em Marketing e Comunicação, hoje está totalmente associado a um lifestyle atlético e moderno. Quem não reconhece o símbolo da Nike?

As empresas em crescimento raramente podem pagar milhões de reais e dedicar anos de esforço necessários para criar essas associações como a da Nike. Dessa forma, um Logotipo que ilustra claramente o que sua empresa representa ou faz, seja pelo nome ou pelo desenho, pode ser uma escolha mais acertada.

O ideal é que seu cliente consiga dizer o que sua empresa faz somente de olhar para sua logomarca.

Um ponto muito importante de frisar é que a logo não deve ser criada do zero, de tempos em tempos, e sim reformulada, renovada. Por isso, a hora de fazer um estudo aprofundado dos objetivos do seu negócio e de como você quer se comunicar com seu consumidor é agora. O tempo que você investir agora na construção da marca da sua empresa, com certeza salvará você de retrabalhos posteriores.

– Criação de Logotipo: primeiros passos

Invista tempo, busque qualidade na criação da identidade de sua empresa e crie um Logotipo que ficará marcado para sempre na mente do seu consumidor. Para isso, separamos algumas dicas e considerações para você iniciar a criação do seu logo hoje.

– Estude seu consumidor

O que eles fazem? Quais marcas eles usam? Como eles se comportam? Todas essas percepções serão importantes, pois para sua marca criar empatia com seu público, ela deve “se comportar” como seu público. Para facilitar, pense no seu dia a dia, você se dá melhor, confia e conversa com as pessoas com quem você se identifica, certo? Então, assim deve ser sua marca com seu consumidor.

– Pesquisa de cores
Importantíssimo: a cor da sua logo vai influenciar totalmente no comportamento do seu consumidor. Existem estudos que mostram que as cores fortes (amarelo e vermelho) do Mc Donalds são propositais, o objetivo é que você realmente leve a sério a característica de fast-food. Lembre-se de verificar como ela ficaria aplicada em preto e branco também.

– Clean e funcional
Sua logotipo deve funcionar bem tanto em seu cartão de visitas como aplicada na fachada. Uma boa logo deve ser replicável em escala, memorável e distinta. Use ícones e desenhos, fotos não são fáceis de se adaptar se forem aumentadas em grande escala ou reduzidas para pequenos espaços.

– Contrate um profissional
Seu sobrinho pode ser ótimo em Corel ou aquele amigo muito criativo ser solícito em ajudar, mas dificilmente eles terão a experiência e o conhecimento de um profissional de design que fez uma faculdade e estuda para isso.

Não vale a pena colocar o sucesso da sua empresa em cheque por uma identidade visual que parecerá amadora e não trará confiança para seus clientes. Lembre-se, no momento de criação de um logo para sua empresa, que você está construindo um relacionamento, uma conexão que, se bem feita, durará para toda a vida.

Fonte: Endeavour

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.